Blefaroespasmo – Tratamento com botox


Blefaroespasmo

Blefaroespasmo é uma afecção adquirida das pálpebras caracterizadas por contrações involuntárias  dos músculos ao redor dos olhos. Deve ser diferenciado da mioquimia que é um tremor palpebral sem fazer com que a pessoa pisque. Em geral é bilateral e ocorre com maior freqüência em mulheres acima de 50 anos. Com o tempo há aumento da freqüência de piscar podendo levar à cegueira funcional.

O tratamento do blefaroespasmo é clínico e se dá através da aplicação da toxina botulínica (Botox), nos músculos ao redor dos olhos que são afetados. Novas aplicações  devem ser repetidas de 5 em 5 meses.

Dr. Renato Garcia  CRM SP 109092

Oftalmologista – Plástica ocular